Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nita Costa

Caloiros - conselhos de uma veterana

Bom dia caloirada :)

 

Segunda feira já chega uma nova onda de caloiros e quem por cá anda há mais tempo já mal pode esperar por eles! Mas hoje a conversa não é sobre o que nós sentimos mas sobre o que sentem os caloiros. Porque agora é a vossa vez!

 

Sim, pode já ter sido há alguns anos que passei por esta experiência, em 2011 para ser precisa, e já muita coisa aconteceu na minha vida desde esse ano. Mas uma coisa vos garanto, foi dos melhores anos da minha vida e acredito que também vai ser o vosso. Por isso, e porque me lembro como se fosse ontem da incerteza antes do primeiro dia, do nervosismo da primeira vez que falaram comigo e do que chorei quando acabaram, mas praxes é assunto para outro post. Hoje venho dar-vos alguns conselhos.

 

Os conselhos que vos dou são baseados na minha experiência, na minha univesidade, mas acredito que podem aplicá-los em qualquer uma.

 

  • Alojamento - Claro que vos aconselho a procurarem casa e se possível terem tudo orientado no primeiro dia, mas se não tiverem não façam o mesmo que eu, que corri para o primeiro quarto que encontrei, tenham acima de tudo calma. Nestes primeiros dias há sempre anuncios no café, na universidade, estudantes a procurarem caloiros para irem morar com eles normalmente do mesmo curso o que só vos ajuda, etc.

 

  • Praxes - Sei que é um dos maiores receios dos caloiros e o meu conselho é sem dúvida "Vão!", foi das melhores experiências que tive e das que mais saudades me deixou. Vão, divirtam-se e lembrem-se, podem sempre dizer não ou desistir das praxes se realmente não gostarem.

 

  • Alimentação - Pois é, vão deixar de ter a comidinha da mamã sempre na mesa e, por muito que no início vão a casa todos os fins-de-semana e tragam as refeições feitinhas, isso vai deixar de acontecer, mais cedo ou mais tarde. Por isso o meu conselho é que aprendam a cozinhar, há uma forte probabilidade de o vosso colega de casa cozinhar pior do que vocês. E tenham os números das pizarias da cidade, imprevistos vão acontecer.

 

  • Solidão -  Ao contrário do que aà vezes nós e os nosso pais pensamos, não estamos sozinhos. Vai haver no mínimo umas trinta pessoas na mesma situação só no mesmo curso. Por isso falem com os vossos colegas, que provavelmente se estão a sentir exatamente como vocês, conheçam pessoas e façam amizades.

 

  • Tarefas domésticas - Aquilo de deixar de ter a mamã diariamente também se aplica a arrumar e limpar a casa e todo o tipo de tarefas domésticas que nem imaginávamos que existiam antes de morar sozinhos, por isso organizem-se e dividam tarefas. Esta é uma das vantagens de partilhar casa, o trabalho dividido e feito em conjunto custa menos.

 

  • Material - Ha quem diga que não é preciso comprar praticamente nada, há quem aconselhe cadernos ou dossiers. Aqui as opiniões dividem-se mas o que é indispensável vai depender de cada curso e de cada pessoa, falarei do meu material num post mais à frente. O indispensável mesmo é ser organizado para facilitar o estudo na hora da verdade.

 

  • Sê tu próprio - Quando vamos para a universidade mudamos totalmente de ambiente. Se por um lado nos custa a adaptar, por outro é uma excelente oportunidade de começar de novo e sermos nós próprios sem as amarras que nos prendiam nos nossos ambientes antigos, como as expetativas dos pais e da sociedade. Até porque num meio universitário temos tendência a encontrar pessoas com mentes mais abertas e interesses mais parecidos com os nossos.

 

  • Estudem - Pode parecer um conselho meio parvo quando vamos para a universidade mas a verdade é que algures no processo acabamos por nos esquecer temporariamente que esta deve ser a nossa prioridade e que ao contrário do que nos tendem a dizer, ir as aulas ajuda muito. E quando nos esquecemos disto pode custar-nos algumas cadeiras ou no mínimo algumas notas podem sair deflacionadas.

 

  • Há tempo para tudo - Ter vida social, dormir e ter razoavelmente boas notas é possível, tudo é uma questão de gestão de tempo, organização e principalmente priorizar. Vai haver semanas de sair todos os dias, e vai haver semanas de tomar café e enfiar a cabeça nos livros, mas no fim tudo se equilibra.

 

  • Aproveitem - Vão ser os melhores tempos da vossa vida. Vão às aulas, saiam, divirtam-se e principalmente YOLO. Porque agora é a vossa vez!

 

Espero que vos ajude :)

Bem vindos!

 

Beijinhoo

assblog.png

 

Nova embaixadora Avon, Inês Castel-Branco

Hey!

 

Foi com um curiosidade e alegria que, como revendedora e coordenadora Avon, recebi a noticia que teríamos uma nova embaixadora na marca. 

 

ImageProxy.jpg

 

Foi assim que nos foi levantada a pontinha do véu. Seguida de uma frase que nos desafiava a descobrir quem seria esta nova cara da Avon. Pensando nestas características e em que mulheres se enquadrariam na imagem que eu construi da marca na minha cabeça apenas me lembrei de três nomes: Fernanda Serrano (pelo exemplo de força), Sofia Ribeiro (pela história de vida) e .... Inês Castel-Branco.

 

Porque Inês Castel-Branco? Por cada palavra mencionada pela Avon lhe encaixar como uma luva. Pela maneira como acredita no trabalho e não tem medo dele. Pela importância que a independência financeira teve desde cedo para ela. Pela generosidade. Pela feminista que é! E por um milhão de outras coisas.  

 

Querem mais um motivo? 

 

Vejam o anúncio da Avon que filmou em Madrid e transmite tudo isto aliado à confiança dedicação e sucesso que a Avon traz à vida dos seus Revendedores. 

 

 

Quando soube da nova embaixadora, ou mesmo quando soube que esta nova embaixadora seria Inês Castel-Branco, nunca imaginei como seria o anúncio, mas juro que me surpreendeu. Alias, mais que isso: emocionou-me!

 

Se não fizesse já parte desta família, acho que depois de ver este vídeo procuraria, pelo menos, informações.

 

(Querem fazer parte desta família? contactem-me para o e-mail do blog anajuliac0stablog@gmail.com)

 

Para terminar. Pelo exemplo que é. E por dar a cara por nós.

OBRIGADA INÊS!  

 

Vejam também:

 

Beijinhoo

Blog: Trips to Dress

Boa noite pessoal,
O post de hoje é um post diferente. Conheci este mês uma blogueira portuguesa fantástica, tal como eu, criou o seu blog em Agosto deste ano e digo-vos, é uma verdadeira delícia. Claro que não resisti e vim partilhar tudo sobre o Trips to Dress com vocês :)
 
Desde cuidados de beleza a dicas de decoração passando por looks e posts de dicas de faça você mesma neste blog vocês vão poder encontrar de tudo sobre o maravilhoso universo feminino. 
Um post  que me chamou de imediato atenção foi o primeiro OOTD (look do dia) dela. Para além de ser especial por ser o primeiro claro, adorei o look muito fofo que construiu tendo por base esta camisola super sweet.
Cliquem aqui e confiram todo o post no blog dela e aqui para verem outro OOTD dela que também gostei muito.
 
Corram para conhecer o blog dela, não se vão de certeza arrepender.
E querem saber o melhor? Para além do blog lindo ela é super querida :)
 
Beijinhoo 

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagram

Facebook

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
Some blog design Written by Joana