Saltar para: Posts [1], Pesquisa [2]

Nita Costa

Como usar sapatilhas sem meias

Olá meus amores!

 

Nova Imagem de Mapa de Bits.bmp

 

Hoje venho dar-vos algumas dicas rápidas.

Desde o dia que usei este look e publiquei esta foto no instagram tenho recebido várias questões, inclusivamente de amigos, sobre como faço para usar sapatilhas sem meias, se não me queima os pés, se não deixa muito odor etc.

Inclusive já me disseram que é "estiloso mas nada confortável".

Então hoje decidi vir acabar com esses mitos e contar-vos os meus truques para usar sapatilhas assim e não sofrer consequências.

 

  • 1 - As coisas mais simples são as melhores - não acreditam? Este truque é a prova disso, e é a resposta a como eu uso mais frequentemente sapatilhas sem meias. É só passar pó-de-talco na sapatilha e no pé antes de calçar e o pé vai manter-se seco e confortável durante todo o dia. (Também uso este truque em dias que sei que vou andar bastante, mesmo que use meias)

 

  • 2 - Nem tudo o que parece é - pois é, o facto de não se verem meias não quer dizer que não se esteja a usa-las. O truque passa apenas por optar por usar mini meias, daquelas tipo pézinhos, que se usam com as sabrinas, vão ser completamente invisíveis, uma vez que ficam somente no interior da sapatilha e ajudam no conforto.

 

  • 3 - Por ultimo mas não menos importante - em relação ao odor e cuidado com os pés tento usar com frequência um desodorizante para pés e um creme hidratante também especifico para esta área do corpo.

 

E pronto meus amores, os meus segredos estão revelado, contem-me se têm outros truques nos comentários ou se estes funcionam convosco.

 

Até ao próximo post,

Beijinhoo

assblog.png

 

O blog no email

Olá meus amores!

 

Pois é, sou dessas que escrevo o e-mail em quase todas as caixinhas disponíveis nos blogs, e por isso não resisti em adicionar uma caixa dessas no meu assim que soube que tinha essa opção disponível.

 

A verdade é que hoje em dia a vida é cada vez mais corrida e quase sempre sei que não vou ter tempo de ver todos os blogs de que gosto todos os dias, nem tampouco me vou lembrar, por isso deixar o e-mail e ter a hipótece de receber cada atualização é mais que perfeito. Ao fim do dia quase sempre passo pelo e-mail, vejo o que saiu de novo e abro o que me interessa.

 

Pois é, e agora vocês têm a possibilidade de fazer o mesmo com o blog, basta procurarem na barra lateral (entre a biografia e o instagram) a opção "subscrever por e-mail", escreverem o vosso e-mail e clicarem em "subscrever". Ninguém vai ter acesso ao vosso e-mail e vão receber no máximo um e-mail por dia com as novidades do blog.

 

Blog no e-mail.bmp

Como estou a recuperar as minhas unhas depois do gel

Hey!

 

Lembram-se de ter contado aqui como Estraguei as minhas unhas por causa do gel? Pois é, mas como há sempre um lado positivo, graças a isso hoje venho partilhar convosco como tenho recuperado pouco a pouco as minhas unhas.

 

Para começar quero lembrar que esta foi a minha solução, não quer dizer que resulte para toda a gente da mesma forma.

 

Quando retirei todo o gel das minhas unhas e vi como tinham realmente ficado foquei devastada. E o pior foi que, como não podia ir trabalhar com elas como estavam, tive de as pintar e só tinha um verniz em casa. Vermelho! Estragadas como estavam e sem terem levado nem uma base por baixo ficaram, como devem imaginar, todas manchadas.

 

Parecia que tudo tendia a piorar e passei uns dias a tentar tudo e mais alguma coisa. Testei produtos que nem imaginam. Até que cheguei ao combo que me está a ajudar. Bepantene – verniz fortificante – creme 3 em 1.

 

O primeiro produto que descobri que realmente me ajudava, e aquele que mais diferença fez no início, quando as unhas estavam mais estragadas, foi o bepantene. Na altura ainda estava a trabalhar na loja, chegava todos os dias a casa, tirava o verniz e punha a pomada. E todos os dias a hora de almoço, antes de ir trabalhar, as voltava a pintar.

 

Mais ou menos na mesma altura, fui a wells procurar uma base para as minhas unhas não ficarem mais manchada e foi então que descobri este verniz fortificante da essence.

 

DSC02099.JPG

 

DSC02102.JPG

  

A rutina continuou a mesma durante o tempo que estive a trabalhar na loja. Quando deixei de trabalhar tudo se facilitou, passava dois ou três dias com as unhas limpas a colocar bepantene umas duas ou três vezes por dia, normalmente pela altura do fim-de-semana, e outros quatro ou cinco com o verniz fotrificante.

 

Já no inicio de dezembro, como estava a fazer uma campanha da Avon, tive de comprar dois cremes para as mãos, então decidi juntar o útil ao agradável e comprei este 3 em 1 para mãos, unhas e cutículas, que tem sido o meu cuidado mais frequente desde então.

 

DSC02097.JPG

 

Tenho pena de não ter nenhuma foto realmente nítida logo do início para vos poder mostrar um antes e depois, mas aqui fica como estão agora.

 

DSC02093.JPG

 

Sei que também existe um óleo multiusos para unhas e cabelo da Avon mas nunca testei. Sabem mais algum truque para ajudar a tratar das unhas? Contem-me tudo.

PS: Agora falta arranjar solução para os arranhões da Ivy que tenho nas mãos!

 

Beijinhoo

Subscrever por e-mail

A subscrição é anónima e gera, no máximo, um e-mail por dia.

Instagram

Facebook

  1. 2017
  2. J
  3. F
  4. M
  5. A
  6. M
  7. J
  8. J
  9. A
  10. S
  11. O
  12. N
  13. D
  14. 2016
  15. J
  16. F
  17. M
  18. A
  19. M
  20. J
  21. J
  22. A
  23. S
  24. O
  25. N
  26. D
  27. 2015
  28. J
  29. F
  30. M
  31. A
  32. M
  33. J
  34. J
  35. A
  36. S
  37. O
  38. N
  39. D
  40. 2014
  41. J
  42. F
  43. M
  44. A
  45. M
  46. J
  47. J
  48. A
  49. S
  50. O
  51. N
  52. D
  53. 2013
  54. J
  55. F
  56. M
  57. A
  58. M
  59. J
  60. J
  61. A
  62. S
  63. O
  64. N
  65. D
Some blog design Written by Joana